Consultar: Instituto de Biologia - IB

Título [Principal]: Distribuição espacial e temporal dos anfipodes gamarideos assocados a diferentes substratos secundarios de costão rochoso de praias do litoral norte do Estado de São Paulo
Autor(es): Daniela Andrade de Oliveira
Palavras-chave [PT]:

Ecossistema , Ecologia costeira , Fauna marinha ,
Titulação: Mestre em Ecologia
Banca:
Fosca Pedini Pereira Leite [Orientador]
Antonia Cecília Zacagnini Amaral
Maria Tereza Valerio Berardo
Luiz Francisco Lembo Duarte
Resumo:
Resumo: Nas regiões entremarés de costões rochosos, o espaço livre para colonização é escasso e os animais sésseis (como mexilhões, colônias de poliquetos, esponjas e briozoários, entre outros) e algas já estabelecidos acabam tornando-se substrato adicional para estabelecimento, principalmente, de pequenos animais. A grande diversidade taxonômica, de tipos morfológicos e hábitos alimentares desses animais, bem como os distintos hábitos de vida, podem estar relacionados com a escolha por determinados substratos para colonização. Neste trabalho caracterizou-se a fauna de anfípodes gammarídeos associada aos diversos substratos secundários presentes em costões rochosos de três praias do litoral paulista relacionando suas ocorrências com o substrato ocupado visando a detecção de padrões na ocupação dos costões. Os principais substratos analisados nos três costões foram os bivalves, Brachidontes solisianus, Isognomon bicolor e Perna perna e a craca Tetraclita stalactifera, bem como 25 espécies de algas, que abrigaram 19 espécies de gammarídeos, pertencentes a 11 famílias. Entre os gammarídeos estudados os hialídeos foram os que mostraram um padrão de distribuição mais definido. Distribuíram-se ao longo de todo o gradiente de altura nos transectos dos costões estudados em diferentes composições e abundâncias não tendo sido encontradas mais de duas espécies abundantes num mesmo nível. Notou-se um padrão de ocorrência e distribuição em relação às zonas mais altas em direção às mais inferiores, isto é, Hyale youngi e Parhyale hawaiensis, seguidas por Hyale media e logo abaixo Hyale nigra ocupando, na maioria das vezes, diferentes substratos. Hyale youngi e Parhyale hawaiensis estiveram, na maioria das vezes, correlacionados aos substratos oferecidos por organismos sésseis como B. solisianus, I. bicolor e Phragmatopoma sp. Os padrões encontrados sugerem que Hyale nigra, apesar da ampla distribuição, ocupa preferencialmente as regiões mais inferiores dos costões, estando normalmente associada a algas.

Abstract: In the intertidal regions of rocky shores free space for settling is scarce and the sessile animals (such as mussels, colonies of polychaets, sponges and briozoan, among others) and algae already established become additional substratum for the establishment of small animals. The great taxonomic diversity, morphologic types and alimentary habits of these animals, as well as the distinct life habits, can be related to the choice for determined substrata for settling. The present dissertation characterizes the fauna of gammaridean amphipods associated with diverse secondary substrata of rocky shores of three beaches of São Paulo State as well as its occurrences related to the substratum occupied aiming at the detention of patterns in the occupation of these rocky shores. The main substrata analyzed in the three rocky shores were the bivalves Brachidontes solisianus, Isognomon bicolor and Perna perna and the barnacle Tetrclita stalactifera, as well as 25 algae species which sheltered 19 species of gammaridean pertaining to 11 families. Among the amphipods studied the hyalids were the ones that showed the most defined pattern of distribution. They were distributed all along the gradient of height in the transects in different compositions and abundances, but more than two abundant species were not found in a same level in the rocky shores studied. A pattern of occurrence and distribution in relation to the highest zones in direction to the lowest ones was noticed, i.e., Hyale youngi and Parhyale hawaiensis, followed by Hyale media and right below Hyale nigra, most of times occupying different substrata. Hyale youngi and Parhyale hawaiensis were correlated with the substratum offered by sessile organisms, such as B. solisianus, I. bicolor and Phragmatopoma sp. The patterns found suggest that Hyale nigra, despite the ample distribution, occupies preferentially the lowest regions of the rocky shores and is normally associated with algae.
Data de Defesa: 05-05-2004
Código: vtls000321866
Informações adicionais:
Idioma: Português
Data de Publicação: 2004
Local de Publicação: Campinas, SP
Orientador: Fosca Pedini Pereira Leite
Instituição: Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Biologia
Nível: Dissertação (mestrado)
UNICAMP: Programa de Pós-Graduação em Ecologia

Dono: admin
Criado: 05-04-2005 17:37
Visitas: 4718
Downloads: 517

ArquivoFormatoTamanhoTempo estimado para download
Oliveira, Daniela Andrade de .pdfDocumento PDF1378 Kb(1411556 bytes)1 minuto(s) (Velocidade de conexão de 56 kb/s)Visualizar/Download