Consultar: Instituto de Estudos da Linguagem - IEL

Título [Principal]: Duas personagens em uma Emilia nas traduções de Monteiro Lobato
Autor(es): Gustavo Maximo
Palavras-chave [PT]:

Literatura infanto juvenil,
Titulação: Mestre em Linguistica Aplicada
Banca:
Maria Augusta Bastos de Mattos [Orientador]
Paulo Roberto Ottoni
Enid Yatsuda Frederico
Resumo:
Resumo: Esta dissertação aborda, a partir de uma análise de duas traduções realizadas por Monteiro Lobato – “Alice’s Adventures in Wonderland” , de Lewis Carroll e “Pollyanna” , de Eleanor H. Porter – a contigüidade existente entre as personagens principais Alice e Pollyanna com a boneca de pano criada por Lobato, a irreverente Emília. Por esse motivo, localizamos nas traduções de Lobato uma tensão que se faz presente pela descaracterização das personagens dos originais, o que provoca questionamentos em função das falas das personagens em relação às atitudes e aos procedimentos. Dentro desta perspectiva, observamos que Monteiro Lobato traduziu as duas obras com os olhos de Emília o que descaracterizou a Alice britânica e a Pollyanna norte-americana dos originais. Para nos auxiliar na análise, trabalhamos com outras duas traduções das mesmas obras para compará-las com as de Monteiro Lobato. Para “Alice’s Adventures in Wonderland”, trabalhamos com a tradução de Ana Maria Machado e para “Pollyanna” com a de Paulo Silveira o que acabou por nos oferecer melhor embasamento para a defesa da hipótese. O resultado da pesquisa foi que realmente as traduções lobatianas dessas duas obras traziam como personagens principais uma “Ëmilice” , isto é, uma Alice brasileira e uma outra “Emilyanna” , ou seja, uma Pollyanna brasileira.

Abstract: This essay approaches, from an analysis of two translations made by Monteiro Lobato – “Alice’s Adventures in Wonderland” by Lewis Carroll and “Pollyanna” by Eleanor H. Porter – the contiguity between the main characters Alice and Pollyanna and the rag doll character created by Lobato, the irreverent Emília. Thus, we have noticed in Lobato’s translations a tension which is made present through the deprivation of the characteristics of the original characters, a fact that instigates questioning argument related to the lines of the characters in face of their attitudes and conduct. In this perspective, we have observed that Monteiro Lobato translated both works through the eyes of Emília, which deprived the British Alice and the American Pollyanna from their original characteristics. In order to have a better support for our analysis, we have worked with two other translations of the same woks, to compare with those made by Lobato. For “Alice’s Adventures in Wonderland” , we have worked with Ana Maria Machado’s translations and for “Pollyanna” with Paulo Silveira’s. That ended up offering us a better foundation for the support of our theory. The result of the research was that Lobato’s translations of both works brought as main characters an “Emilice”, that is, a Brazilian Alice and an “Emilyanna” , that is, a Brazilian Pollyanna.
Data de Defesa: 27-08-2004
Código: vtls000320920
Informações adicionais:
Idioma: Português
Data de Publicação: 2004
Local de Publicação: Campinas, SP
Orientador: Maria Augusta Bastos de Mattos
Instituição: Universidade Estadual de Campinas. Instituto de Estudos da Linguagem
Nível: Dissertação (mestrado)
UNICAMP: Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada

Dono: admin
Criado: 24-09-2004 10:25
Visitas: 21770
Downloads: 1388

ArquivoFormatoTamanhoTempo estimado para download
Máximo,Gustavo_M.PDFDocumento PDF6032 Kb(6176485 bytes)3 minuto(s) (Velocidade de conexão de 56 kb/s)Visualizar/Download