Consultar: Estudos da Linguagem - IEL

Título [PT]: Desviando da própria fala: implicações para a verificação de locutor em situações de disfarces vocais
Autor(es): Renata Regina Passetti
Palavras-chave [PT]:

Fonética forense, Verificação de locutor, Disfarce vocal, Modificações acústicas
Palavras-chave [EN]:
Forensic phonetics, Speaker verification, Vocal disguise, Acoustic modification
Titulação: Bacharel em Linguística
Banca:
Plínio Almeida Barbosa [Orientador]
Resumo:
Resumo: Esta monografia avalia as pistas acústicas de locutores utilizadas em disfarces vocais que envolvem a utilização de um objeto na boca, entre os dentes frontais, e a imitação de uma amostra de fala familiar aos sujeitos, evocando memória de longo prazo. O corpus se constitui de 9 gravações de 3 sujeitos do sexo masculino, com idade de 21 anos. Cada locutor leu um texto com cerca de 130 palavras que consistia na transcrição de um discurso do apresentador de televisão, Sílvio Santos, evocando três diferentes tipos de elocução: (1) com o estilo de fala habitual, com voz e estilo de fala naturais; (2) imitando o apresentador de televisão, Sílvio Santos, cuja identidade foi apresentada aos locutores somente nesse momento; e (3) utilizando o disfarce vocal “lápis na boca” pela utilização de um lápis posicionado firmemente entre os dentes frontais. O principal objetivo foi determinar quais características acústicas e prosódicas eram modificadas e quais permaneciam na fala de indivíduos diante da utilização destes disfarces. Foram estudadas técnicas de análise acústica que envolviam análise de formantes, frequência fundamental (f0), ênfase espectral e duração em vogais orais do português brasileiro (PB) e também das pausas silenciosas e duração entre picos de f0 presentes no discurso. A validação das análises acústicas foi conduzida por análises comparativas intra-locutor dos disfarces vocais em relação à voz habitual, seguido da aplicação de um teste T de variáveis independentes, com um nível de significância de 5%, com a finalidade de testar a hipótese nula de que as amostras de fala comparadas (fala disfarçada e fala habitual) não apresentavam diferenças significativas para cada um dos parâmetros acústicos testados. Os resultados mostram que os locutores conseguiram desviar da própria fala, por meio de alterações na entonação, no esforço vocal, expresso pela ênfase espectral, empregado durante a realização dos disfarces e também por meio do alongamento vocálico e de alterações no tempo global do discurso. Outra modificação importante diz respeito às frequências de formantes e a reconfiguração do espaço vocálico. Não foram atestadas modificações nos valores obtidos para a duração inter-picos de f0 para nenhum dos locutores testados.

Abstract: This monograph aims at analyzing the speaker‟s acoustic strategies in two vocal disguise situations: (1) with an object between the front teeth, and (2) the imitation of a familiar sample from a well-known person (impersonation), evoking long-term memory. The corpus used consisted of 9 recordings from three men, all of them at the mean age of 21-year-old. Each speaker read a 130-word text, which consisted in a transcription of a Brazilian TV host speech, Sílvio Santos. The speakers were recorded three different times: (1) with their own natural voice and speaking style, (2) trying to imitate Sílvio Santos and (3) with a vocal disguise “object in the mouth” by the use of a pencil firmly placed between the frontal teeth. The focus was to determinate which were the acoustic and prosodic cues which were modified and which cues remained undifferentiated in the speaker‟s speech when the speakers deviated from their own voice. The acoustic techniques included the evaluation of the frequency of the first four formants, fundamental frequency (f0), duration and spectral emphasis in Brazilian Portuguese oral vowels. The distributions of silent pauses throughout the utterances and the inter f0 peak duration were also analyzed. A comparative intra-speaker analysis between the natural voice speech sample and the disguised voices speech samples (impersonation and “object in the mouth”) was followed by a T-test of independent variables with a significance level of 5% to evaluate the null hypothesis that there were no significant differences between the natural voice and the disguised ones. The results indicate that there was a reconfiguration in the speakers‟ vowel space via modification of vowels‟ formants. Changes in pitch were also attested, as well as in vocal effort (via spectral emphasis), in vowel duration and in speech rate, parameters involved in helping the speakers to achieve a good performance with the vocal disguises.
Data de Defesa: 2012
Código: 54534

Dono: admin
Criado: 12-06-2013 17:52
Visitas: 983
Downloads: 642

ArquivoFormatoTamanhoTempo estimado para download
Passetti, Renata Regina.pdfDocumento PDF923 Kb(945215 bytes)1 minuto(s) (Velocidade de conexão de 56 kb/s)Visualizar/Download