Consultar: Estudos da Linguagem - IEL

Título [PT]: (Re)escrita e autoria: um olhar longitudinal em dados de aquisição sob a ótica bakhtiniana
Autor(es): Juliana Cristina Fernandes Pereira
Palavras-chave [PT]:

Linguagem, Reescrita, Autoria, Estilo, Gêneros discursivos
Palavras-chave [EN]:
Language, Rewriting, Authorship, Style, Discursive Genre
Titulação: Licenciada em Letras – Português
Banca:
Raquel Salek Fiad [Orientador]
Resumo:
Resumo: Esta pesquisa se propõe a discutir a reescrita como manifestação de estilo e autoria em duas situações: (1) em dados de aquisição da escrita e (2) em documentos e programas oficiais sobre o ensino de língua portuguesa. Tudo isso, com o intuito de identificar se é possível encontrar nos dados uma reescrita que se realize levando em consideração aspectos linguísticos (autoria, interlocução, etc.), em contraposição a uma reescrita de higienização que privilegie aspectos de correção gramatical. Isto é, se é possível encontrar uma reescrita que propicie a constituição de sujeitos-autores. A partir da análise dos dados de reescrita de um sujeito específico (R), verificou-se a presença de indícios surpreendentes de reescrita relacionados à autoria e ao estilo individual, além de correções de higienização. Em um segundo momento, a análise de documentos e programas oficiais mostrou que a reescrita está mais presente naqueles destinados ao ensino fundamental, se comparados aos do ensino médio. Embora na escrita infantil sejam encontrados poucos dados de reescrita que possam ser considerados indícios de autoria, ocorrem muitos episódios visando mais a higienização do texto. Os dados de R mostraram ainda que os sujeitos reescrevem mesmo antes de a escola propor a reescrita, pois trata-se de um prática social. Ao lado disso, observamos que os documentos oficiais incluem a reescrita como uma prática que pode permitir a constituição de sujeitos-autores. E, a depender de como essa prática de reescrita for realizada no contexto escolar, pode contribuir para a formação de sujeitos-autores como R.

Abstract: The objective of this work is to discuss rewriting as an expression of style and authorship under two circumstances: (1) data related to writing in the learning process and (2) in official documents related to teaching Portuguese. All this, with the intention to identify the possibility to find in both texts a rewriting method with the ability to consider the linguistic aspects (authorship, dialogue), as opposed to a rewriting which favors the grammatical correction aspects , that is, the possibility to detect a rewriting method that endows the creation of subject authors. An analysis of the rewriting data was performed regarding a specific individual (R). During the study, it was noticed that the data from R indicated impressing rewriting aspects related to authorship and individual style added to the corrections related to text cleaning (very common in all children). The analysis of official documents indicated that rewriting is more present in elementary education,, when compared with documents from highschool education where this aspect is treated much less. This study has shown that, even if very little rewriting data was found to indicate authorship, in most cases the method is more related to text cleaning. Specific data from R showed that the individuals rewrite before being taught by the school to do so, as this is a social practice. In addition, official documents related to the teaching of the Portuguese language included rewriting as an exercise to create subject authors, mainly in the elementary education. Furthermore, depending on the method the rewriting is performed at the school level, this can contribute for the creation of subject authors, such as R.
Data de Defesa: 2009
Código: 41008

Dono: admin
Criado: 30-08-2010 16:11
Visitas: 1515
Downloads: 3007

ArquivoFormatoTamanhoTempo estimado para download
Pereira, Juliana Cristina Fernandes.pdfDocumento PDF795 Kb(814504 bytes)1 minuto(s) (Velocidade de conexão de 56 kb/s)Visualizar/Download