Consultar: Seminário Internacional de Bibliotecas Digitais Brasil - SIBDB, São Paulo, 2007

Título [PT]: Dspace versão 1.4: Uma análise das facilidades relacionadas ao assunto.
Autor(es): Milton Shintaku; Marisa Bräscher
Palavras-chave [PT]:

Repositórios institucionais; DSpace; Metadados; Dublin Core; Palavras-chaves; Vocabulário Controlado
Palavras-chave [EN]:
Institucional repository; DSpace; Metadata; Dublin Core; Keyword; Controled vocabulary
Área de concentração: Eixo Temático: Os profissionais das Bibliotecas Digitais
Resumo:
Resumo: A versão 1.4 do DSpace trouxe, entre outras novidades, a possibilidade de recuperação dos documentos depositados por assunto, essa facilidade está relacionada com o preenchimento do metadado descritivo palavra chave. Este trabalho pretende analisar a utilização do vocabulário controlado, implementado na mesma versão, para facilitar o preenchimento do metadado palavra-chave, evitando variações como a de número e grafia e a busca por assunto em alguns repositórios que possivelmente ainda não implementaram um vocabulário controlado. Uma análise do vocabulário controlado fornecido pelo DSpace, em norueguês, revela que, em relação à área da Ciência da Informação esse vocabulário controlado apresenta-se deficiente, pois hierarquicamente possui apenas dois níveis e com apenas seis termos, não representado os assuntos cobertos pela área. Comparações feitas dos termos do vocabulário controlado do DSpace com os termos dos artigos dos últimos três anos da revista “Ciência da Informação”, publicada pelo IBICT, demonstra que há pouca relação entre os dois, o que indica uma certa deficiência e carece de maior estudo. Os repositórios que migraram ou foram criados na versão 1.4 do DSpace possuem a recuperação de documentos por assunto, baseados nas palavras-chaves inseridas durante o processo de submissão, esta facilidade evidencia os problemas de variações terminológicas que provocam a um estudo melhor desta facilidade e de como melhor descrever um documento para facilitar a recuperação. Dentre os metadados descritivos, a palavra-chave é um dos únicos que matêm certa independência entre o conteúdo descrito no documento e o metadado. Título e autor, por exemplo, devem ser os mesmos no documento e no metadado. Pode-se utilizar a palavra-chave para facilitar a organização e recuperação dos documentos pelo assunto.

Abstract: DSpace version 1.4 begins a new possibility to use a controlled vocabulary to fill keywords in subject form and retrieve item by subject. This paper intent to analyze the suggested controlled vocabulary in DSpace and recommended by Dublin Core Metadata Initiative for keyword and retrieve documents by subject option. The analysis of suggested controlled vocabulary in DSpace, in Norwegian, for Information Science have only three levels and six terms, impossible to cover the subjects researched by this knowledge area. Comparing the terms of controlled vocabularies recommended by Dublin Core Metadata Initiative and the terms most frequently used by journal “Ciência da Informação” – last three years, demonstrate a few coincidences. An analysis in repositories created or migrated to DSpace version 1.4 in the browse by subject demonstrate some problems with terminology. Variations in terms, like use of uppercase or plural, retrieve different documents even for a same term. The metadata keyword has an independent rule to filling, title and authors needs to be the same in the document and metadata, but is not proper to keyword, this metadata could be used to retrieve and organize the information. This is a preliminary analysis of the tool.
Código: 23471
Informações adicionais:
Trabalho apresentado no Seminário Internacional de Bibliotecas Digitais Brasil - SIBDB

Dono: admin
Criado: 24-10-2007 15:04
Visitas: 1638
Downloads: 1459

ArquivoFormatoTamanhoTempo estimado para download
Shintako, Milton.pdfDocumento PDF101 Kb(103197 bytes)1 minuto(s) (Velocidade de conexão de 56 kb/s)Visualizar/Download