Consultar: Faculdade de Educação - FE

Título [PT]: Levantamento e análise da produção de TCCs da FE-UNICAMP acerca da temática alfabetização
Autor(es): Laís Frediani Séspedes
Palavras-chave [PT]:

Aquisição da escrita, Teoria histórico-cultural, Trabalho de conclusão de curso
Resumo:
Resumo: Este projeto se insere em um projeto mais amplo, coordenado pela professora orientadora do presente trabalho. Trata-se de uma pesquisa financiada pelo CNPq que busca compreender aspectos relativos ao trabalho a favor da formação de leitores na escola básica. Destaca-se a vinculação à linha "Linguagem e Arte em Educação", do Grupo Alfabetização, Leitura, Escrita e Trabalho Docente na Formação Inicial de Professores - ALLE-AULA da Universidade Estadual de Campinas, cadastrado no Diretório dos Grupos de Pesquisa do CNPq. Meu objetivo, portanto, utilizando como referencial teórico a abordagem histórico-cultural de Vygotsky, será realizar um estudo de cunho bibliográfico e, para tal, selecionamos Trabalhos de Conclusão de Curso da Faculdade de Educação da Unicamp a fim de: 1. Inventariar as produções de alunos concluintes da licenciatura em Pedagogia, disponíveis no Repositório da Biblioteca Digital da Unicamp - no período de junho a julho/2018 -, no que diz respeito a temática Alfabetização, organizando-a cronologicamente pela data de conclusão dos trabalhos; 2. Indagar pelos modos como essa produção tem sido discutida ao longo do tempo, quanto às ênfases ou ausências de determinados objetos de interesse, escolhas teóricas e metodológicas, aspectos que se mantêm, se alteram, desaparecem, emergem e/ou são colocados com outras matizes e nuances ao longo do tempo. Os dados dos trabalhos produzidos entre os anos de 1980 a julho de 2018 nos permitem afirmar que o tema do "Analfabetismo" aparece na primeira década analisada, mas desaparece por completo nas décadas seguintes, ganhado força, os temas "Alfabetização nas séries iniciais" e "EJA" que foram os temas de maior ênfase na segunda década analisada 1990 a 1999). De 2000 a 2009 e 2010 a 2018 o tema priorizado foi, ainda, "Alfabetização nas séries iniciais", dado relevante por mostrar o quanto esse tema se evidenciou e foi preferido em quase todo o período de abrangência de nossa pesquisa. Alguns temas como "uso de letra bastão" e "cartilhas" apareceram uma vez nas décadas de 1990, 2000 e depois em 2012 e em seguida desapareceram do campo de pesquisa dando lugar àqueles já mencionados. Com relação as escolhas de referenciais teóricos e metodologias percebemos que durante todo o período pesquisado o referencial da "perspectiva histórico cultural" de Vygotsky foi utilizado em quatorze (14) trabalhos e foi seguido pela "perspectiva crítica" de Paulo Freire que apareceu em oito (8). A "perspectiva construtivista" de Emília Ferreiro apareceu o mesmo número de vezes em trabalhos que a "perspectiva do letramento" de Ângela Kleiman e Magda Soares, a saber, em seis (6) trabalhos. Entre 2000 e 2009 a perspectiva histórico-cultural de Vygotsky ganhou muita força como referencial teórico aparecendo em grande parte dos trabalhos analisados. Emília Ferreiro aparece como a segunda autora mais escolhida nessa década
Código: 001081091
Informações adicionais:
Idioma: Português
Data de Publicação: 2018
Local de Publicação: Campinas, SP
Orientador: Cláudia Beatriz de Castro Nascimento Ometto
Instituição:
Nível: Trabalho de Conclusão de Curso (graduação)
UNICAMP:

Dono: fe_rp
Criado: 29-03-2019 11:14
Visitas: 134
Downloads: 229

ArquivoFormatoTamanhoTempo estimado para download
Sespedes_LaisFrediani_TCC.pdfDocumento PDF2363 Kb(2419235 bytes)1 minuto(s) (Velocidade de conexão de 56 kb/s)Visualizar/Download