Consultar: Faculdade de Ciências Médicas - FCM

Título [Principal]: Efeitos da restrição proteica gestacional em hipocampo de ratos machos adultos : avaliação da estrutura dendrítica tridimensional, do comportamento e de componentes neuroquímicos = Effects of gestational protein restriction in hippocampus of adult male rats
Título [Outro Idioma]: Effects of gestational protein restriction in hippocampus of adult male rats : evaluation of three-dimensional dendritic structure of hippocampal neurons, behavior and neurochemical components
Autor(es): Agnes da Silva Lopes Oliveira
Palavras-chave [PT]:

Feto - Desenvolvimento , Glucocorticoides , Hipocampo
Palavras-chave [EN]:
Fetal, Glucocorticoids , Hippocampus ,
Área de concentração: Clínica Médica
Titulação: Mestre em Clínica Médica
Banca:
Patrícia Aline Boer [Orientador]
Luciana Le Sueur Maluf
Sylvia Maria Ciasca
Resumo:
Resumo: Estudos têm demonstrado que a deficiência de nutrientes durante a gravidez ou nos primeiros anos de vida pós-natal resultam em anormalidades estruturais no hipocampo da prole, bem como comprometimento cognitivo em animais com 16 semanas de vida. Na tentativa de analisar se a restrição protéica gestacional pode induzir a déficits de aprendizagem e perda de memória associada a alterações estruturais no hipocampo, realizou-se teste de water maze (MWM) e uma análise detalhada morfométrica da citoarquitetura dendrítica do hipocampo de ratos machos adultos. Além disso, analisamos no hipocampo dorsal e ventral a expressão e localização de receptores de mineralocorticóides (MR) e glicocorticóides (GR), angiotensina II receptor tipo 1 (AT1) e receptores específicos de serotonina (5HT1A e 5HT2A). No MWM não foram encontradas diferenças significativas entre os grupos LP e NP, em qualquer um dos parâmetros analisados no teste de memória espacial, sugerindo que tais funções de hipocampo não foram alteradas com a restrição proteica gestacional. No entanto, através da aplicação da técnica de Gogi-Cox realizamos a reconstrução dendrítica nos neurônios do hipocampo dorsal. Nossos resultados demonstram que a restrição proteica gestacional leva a uma diminuição do comprimento dos dendritos basais e no número de intersecções dos dendritos apicais de CA3. A citoarquitetura de CA1 e do giro denteado não foi alterada. O presente estudo revelou uma clara dissociação entre a resposta do teste comportamental e alterações de neurônios do hipocampo, como conseqüência da programação fetal. Encontramos diferentes padrões de expressão dos receptores analisados no hipocampo dorsal e ventral o que sugere que redução na expressão de GR e 5HT1A paralelamente a maior expressão de 5HT2A estão envolvidos no comportamento ansioso e que a significativa diminuição na expressão de AT1 pode ter um efeito protetor. Essas alterações neuroquímicas podem ter consequências importantes para comportamento de ansiedade e depressão. Nosso estudo não é capaz de responder se as alterações encontradas estão relacionadas com subdesenvolvimento no útero ou resulta de uma adaptação pós-natal para a fisiologia programada na vida adulta. Outros estudos devem ser feitos para responder essas questões.

Abstract: Studies have demonstrated that maternal nutritional restriction during pregnancy or in early postnatal life results in hippocampus cognitive impairment and structural abnormalities in the 16-wk-old offspring. In an attempt to analyze whether gestational protein restriction might induce learning and memory impairment associated with structural changes in the hippocampus we carried out MWM test and a detailed morphometric analysis of dendritic cytoarchitecture of the hippocampus from male adult rats. In addition, we analyzed the dorsal and ventral hippocampal expression and localization of mineralo- (MR) and glucocorticoid (GR), type 1 angiotensina II receptor (AT1) and serotonin specific receptors (5HT1A and 5HT2A). By MWM we did not found significant differences between LP and NP groups, in any of the parameters analyzed, suggesting that such functions of hippocampus were not altered by gestational protein restriction. However, by applying 3-dimensional analysis of dendrites from the dorsal hippocampus, this study demonstrates that gestational protein restriction leads to decreases in total basal dendritic length and inapical intersections of CA3 pyramidal neurons. The dendritic architecture of CA1 and dentate gyros was unchanged. The current study revealed a clear dissociation between behavioral test response and hippocampal neuron changes as consequence of fetal programming. We found different patterns of dorsal and ventral expression of analyzed receptors and we suggests that reduced GR and 5HT1A and enhanced 5HT2A expression are involved in anxious behavior and that AT1 down regulation may has a protective effect. These neurochemical alterations may have important consequences for anxiety- and depressive-like behavior. Our study is not able to answer the question whether these alterations are related to in uteri underdevelopment or results from a postnatal adaptation to programmed physiology in adult life. Further time-course studies should be done to answer this question.
Data de Defesa: 30-07-2012
Código: 000876704
Informações adicionais:
Idioma: Português
Data de Publicação: 2012
Local de Publicação: Campinas, SP
Orientador: Patrícia Aline Boer, José Antônio Rocha Contijo
Instituição: Universidade Estadual de Campinas . Faculdade de Ciências Médicas
Nível: Dissertação (mestrado)
UNICAMP: Programa de Pós-Graduação em Clínica Médica

Dono: ti_ml
Criado: 24-01-2013 11:34
Visitas: 319
Downloads: 9

ArquivoFormatoTamanhoTempo estimado para download
Oliveira, Agnes da Silva Lopes_M.pdfDocumento PDF2730 Kb(2796027 bytes)2 minuto(s) (Velocidade de conexão de 56 kb/s)Visualizar/Download