Consultar: Instituto de Economia - IE

Título [Principal]: A politica economica do governo João Goulart : restrições estruturais e vetos politicos
Título [Outro Idioma]: The economic policy of João Goulart´s government : structural restrictions and political vetoes
Autor(es): Mario Augusto Morato Pinto de Almeida
Palavras-chave [PT]:

Política econômica , Vetos políticos
Palavras-chave [EN]:
Economic policy , Structural restrictions , Political vetoes ,
Área de concentração: Historia Economica
Titulação: Mestre em Desenvolvimento Economico
Banca:
Pedro Paulo Zahluth Bastos [Orientador]
Hernani Maia Costa
Carlos Pinkusfeld Monteiro Bastos
Resumo:
Resumo: Em meio a uma grande crise político-institucional, o governo João Goulart se iniciou em setembro de 1961. Além da instabilidade político-institucional, o governo se deparava com o aumento das mobilizações sociais e com a extrema politização das relações internacionais imposta pela Guerra Fria. Na área econômica, os seus principais desafios eram a inflação crescente e os problemas de balanço de pagamentos. Apesar de propostas oficiais enérgicas para o combate desses problemas, quando ocorreu a ruptura da legalidade, o Brasil se encontrava com inflação galopante, deterioração ainda maior das contas externas e crescimento negativo do produto per capita. A deterioração dos indicadores macroeconômicos e a intensificação da crise político-social inspiraram muitos analistas a responsabilizarem o próprio Jango pelo golpe militar de abril de 1964. Críticas dirigidas ao estilo político do ex-presidente são comuns nesse tipo de interpretação. Em relação à política econômica do governo, alguns estudos sublinham a ineficácia ou a irracionalidade dessas políticas. Este trabalho, por sua vez, enfatiza as restrições estruturais de ordem econômica (as tendências cíclicas de uma economia subdesenvolvida, as mudanças induzidas pelo Plano de Metas, etc.) e política (tensões sociais, as pressões advindas da política externa norte-americana e a crise político-institucional, etc.) como limitadores da capacidade dos instrumentos de política econômica de reverter a tendência de deterioração das principais variáveis macroeconômicas. Além disso, supomos que o governo, consciente de algumas dessas restrições, buscou em diversas ocasiões ampliar o espaço para implementação de políticas econômicas, por meio de reformas institucionais, barradas pela oposição conservadora no Poder Legislativo

Abstract: Amid a great political crisis, Joao Goulart's government began in September 1961. Besides this crisis, the government had to face increasingly frequent social demonstrations and an extreme polarizations of international relations imposed by the Cold War context. In the economic field, its main challenges were increasing inflation rates and problems with the balance of payments. Despite several stern stabilization measures, economic and political crises had worsened by the time of the coup d'etat. Due to these results, many analysts blame Jango for the military coup of 1964. Criticisms toward his political style are very common in this kind of interpretation. Regarding Goulart's economic policy, many economists classify it as irrational or erratic. Nevertheless, this dissertation stresses the economic and political structural restrictions which diminished the capacity of the economic policies to reverse the tendency of the main macroeconomic variables to deteriorate. Furthermore, we believe that the government, aware of some of these restrictions, tried to make room to implement policies considered ideal to overcome the crisis. Part of the dissertation is dedicated to analyzing the reaction of the Parliament, considered conservative by many analysts, to these attempts
Data de Defesa: 25-02-2010
Código: 000769440
Informações adicionais:
Idioma: Português
Data de Publicação: 2010
Local de Publicação: Campinas, SP
Orientador: Pedro Paulo Zahluth Bastos
Instituição: Universidade Estadual de Campinas . Instituto de Economia
Nível: Dissertação (mestrado)
UNICAMP: Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Econômico

Dono: ti_me
Criado: 23-09-2010 16:24
Visitas: 13484
Downloads: 358

ArquivoFormatoTamanhoTempo estimado para download
Almeida, Mario Augusto Morato Pinto de_M.pdfDocumento PDF2040 Kb(2089034 bytes)1 minuto(s) (Velocidade de conexão de 56 kb/s)Visualizar/Download